Blog do Diário2019-01-17T19:31:09-03:00

Blog do Diário


Neste espaço, os editores do site vão dizer tudo o que pensam sobre o passado, o presente e o futuro do Santos Futebol Clube.

1809, 2019

Santos tem agora 19 finais

Santos deve repetir a intensidade do jogo contra o Flamengo para sonhar com o título (Crédito: Ivan Storti/SantosFC) O Santos teve um primeiro turno do Campeonato Brasileiro de altos e baixos. Entrou na competição sem muita expectativa após a eliminação no Campeonato Paulista e na Copa Sul-Americana, mas logo venceu o Grêmio na estreia, fora de casa, e encheu o torcedor de esperança. No entanto, logo na quinta rodada, o Peixe foi goleado pelo Palmeiras. Duas semanas depois, foi eliminado na Copa do Brasil pelo Atlético-MG e novamente deu um freio na empolgação do torcedor. Nada que uma sequência de sete vitórias seguidas e a liderança do Campeonato Brasileiro não pudessem mudar. Tanto que foram quatro jogos seguidos com lotação máxima na Vila Belmiro. Mas aí vieram as derrotas para São Paulo, Cruzeiro e, principalmente, o empate contra o Fortaleza após estar vencendo por 3 a 0. Para encerrar, derrota por 1 a 0 para o Flamengo e apenas 5 pontos conquistados dos [...]

1309, 2019

Hora de ganhar jogo grande

Santos ganhou bem do Grêmio fora de casa na abertura do Brasileirão (Crédito: Ivan Storti/SantosFC) O Santos tem apenas três derrotas no Campeonato Brasileiro, todas fora de casa, todas diante de adversários "grandes": Palmeiras, São Paulo e Cruzeiro. Neste sábado, o Peixe tem mais um "jogo grande" fora de casa, diante do líder e badalado Flamengo. É hora de mostrar que o Santos também é grande e tem chances de brigar pelo título brasileiro! O time de Sampaoli já conseguiu resultados neste Brasileirão que em outros anos seriam "normais" o Santos perder. Como a vitória sobre o Botafogo no Rio, sobre Bahia, Chapecoense e Ceará fora. O Peixe sempre criou problemas contra os times do Z4 ou perto dele, historicamente. O time deste ano é diferente, mas precisa aparecer nos grandes jogos. Como fez contra o Grêmio, em Porto Alegre, na abertura do Brasileirão. Esse jogo pode até ser usado como exemplo. Naquele momento, o Grêmio era o time mais badalado [...]

909, 2019

Sampaoli e os três zagueiros

Sampaoli insiste em um esquema que não funciona (Crédito: Ivan Storti/Santos FC) O técnico Jorge Sampaoli tem muitos méritos pela campanha do Santos no Campeonato Brasileiro. O treinador, desde que chegou ao Brasil, mostrou-se respeitoso com a história do clube, buscou sempre um jogo ofensivo, deu ao time uma intensidade há tempos não vista na Vila Belmiro e apresentou um repertório tático muito maior do que a da maioria dos técnicos brasileiros. Há, no entanto, um ponto em que Sampaoli e os técnicos brasileiros se igualam: na teimosia. Já está mais do que claro que o esquema com três zagueiros e sem um lateral-direito de ofício não funciona. E não funciona por uma série de motivos. Primeiro porque tiramos nosso melhor zagueiro do miolo da área. Lucas Veríssimo é obrigado a jogar do lado do campo e fica exposto na disputa com jogadores mais rápidos e com muito espaço para cobrir. Contra o Botafogo, ele até foi expulso. É um desperdício. [...]

2708, 2019

Sampaoli, bora fechar a casinha

Santos empatou em 3 a 3 com o Fortaleza no último domingo (Crédito: Ivan Storti/Santos FC) Eu, como todos os torcedores santistas, sonho com um título grande expressão. Nos últimos anos, o Peixe nada, nada e morre na praia. Brigamos e vencemos algumas vezes o Paulistão, mas para quem é o maior do mundo limitar-se com o estadual é um pouco, para não dizer muito, decepcionante. Com Sampaoli, vi uma luz no fim do túnel. Algo diferente, um técnico agressivo, incomodado de fato com a história do Santos e sua grandeza. Algo que não via há anos, se é que um dia eu tinha visto isso. Ele chegou e colocou o time pra frente. Gols, muitos gols foram saindo. Mas dos dois lados. Fiquei em êxtase ao ver as goleadas praticadas e o estilo ofensivo do novo Peixe, mas preocupado também quando perdemos de Ituano e Botafogo de Ribeirão Preto de cinco, quatro. De cabelo em pé ainda fiquei com as [...]

2008, 2019

Derrotas normais não podem nos afetar

O zagueiro Lucas Veríssimo em ação contra o Cruzeiro (Crédito: Ivan Storti/SantosFC) *Por Raoni David, especial para o DIÁRIO DO PEIXE Times que nunca caíram, o Santos enfrentou São Paulo e Cruzeiro nas 16 edições do Campeonato Brasileiro de pontos corridos e, fora de casa, não leva vantagem em ambos os confrontos. Contra o rival do estado são cinco vitórias santistas e dez tricolores, com um empate. Diante do time de Minas Gerais, o Santos ganhou apenas três vezes, perdeu cinco e empatou oito. Números que sozinhos não justificam o desespero de parte dos santistas com as duas derrotas seguidas na competição. Neste período, poucos foram os campeões brasileiros que venceram São Paulo e Cruzeiro como visitantes. Os são-paulinos perderam para o Cruzeiro em 2003 e 2013, o Fluminense em 2010 e o Palmeiras em 2018. Já os cruzeirenses perderam para o São Paulo em 2007 e o Corinthians em 2011 e em 2015. Um campeão jamais venceu os dois times [...]

708, 2019

Santos de Sampaoli incomoda

Jorge Sampaoli prometeu trabalhar para ter um time à altura do Santos. Está conseguindo (Crédito: Ivan Storti/SantosFC) O Santos na liderança do Campeonato Brasileiro, com quatro pontos de vantagem para o segundo colocado, e jogando um futebol bonito de se ver tem incomodado torcedores rivais, jogadores, técnicos e comentaristas. Todo dia aparece alguém tentando minimizar o impacto do trabalho de Jorge Sampaoli e do Peixe na temporada. Primeiro Levir Culpi disse que Sampaoli seria o próximo treinador da Seleção Brasileira porque era "argentino, tinha tatuagem e se dirigia ao treino de bicicleta". Na segunda-feira, em entrevista ao Bem Amigos, Vanderlei Luxemburgo afirmou que o técnico não estava ensinando nada aos brasileiros. Na terça, Felipe Melo disse que o Santos jogava um futebol bonito de se ver, mas já tinha sido eliminado em três competições e perdido o clássico por 4 a 0. Tudo isso sem contar as reações do técnico Fábio Carille, do Corinthians. Há tempos não se falava tanto do [...]