Crise aberta no DM do Santos

Por | 2018-11-09T08:42:03+00:00 9 de novembro de 2018, 8:36 |

Pouco mais de um mês após se livrar de um processo de impeachment, o presidente José Carlos Peres tem mais uma enorme crise para administrar nos bastidores do Santos. Desta vez, o novo conflito atinge diretamente o departamento médico alvinegro e aumenta a insatisfação do técnico Cuca, que já manifesta o desejo de deixar o clube após o término do seu contrato, no fim de dezembro.

A denúncia foi feita a esta coluna nesta quinta-feira (dia 8) por um dos médicos mais experientes do Santos, o ortopedista Carlos Alba, que também é sócio e conselheiro do Peixe. Segundo ele, o clima no departamento está insustentável por absoluta falta de entendimento entre o coordenador Jorge Merouço e a respeitada equipe de fisioterapeutas santistas, liderada por Luiz Alberto Rosan.

Indignado com a situação, Alba contou que já relatou o problema ao presidente Peres em diversas oportunidades e nenhuma providência foi tomada. Por isso, decidiu apresentar seu pedido de demissão. “O ambiente é péssimo no Departamento médico e o presidente não faz nada. É muito estranho. Estou saindo. Só volto se a coisa for séria. Senão, eu vou para a arquibancada”, disse.

Segundo Alba, o racha no setor começou após a adoção de um sistema de rodízios entre os seis médicos do clube, o que faz com que os jogadores machucados sejam acompanhados por diferentes profissionais ao longo da semana. “Esse rodízio é ridículo”, criticou. Tanto Merouço quanto Rosan foram procurados para apresentar sua versão sobre o caso, mas até o fechamento desta coluna não haviam sido contatados.

A crise entre os médicos santistas também tem deixado Cuca bastante irritado e deve diminuir ainda mais as chances de sua permanência em 2019. É bom lembrar que o contrato do treinador termina no final de dezembro e sua relação com Peres já não anda boa desde a eliminação do Peixe na Copa Libertadores, em agosto, por causa da inscrição irregular do meia Sánchez nas oitavas de final da competição.

Cuca evita o assunto, mas já admite a pessoas próximas que não pretende continuar no Peixe por estar insatisfeito com os problemas de gestão e a falta de planejamento da diretoria. Para complicar, o treinador confidenciou ainda ter uma proposta milionária para assumir um time do futebol árabe no ano que vem. Recentemente, Peres garantiu a renovação de contrato do técnico. Resta saber como…

  • Comentar via Facebook
  • Comentar via Diário
Carregando comentrios...

Um Comentário

  1. Marcelo 9 de novembro de 2018 em 12:20 - Responder

    Esperando sentado essa página trazer uma notícia boa sobre o Santos FC. Vcs parecem aqueles programas policiais que só trazem tragédia. Seloko… Vcs são santistas mesmo?

Deixar um Comentário