Felipe Aguilar chegou no começo do ano e rapidamente ganhou status de titular. Já são 28 partidas com a camisa do Peixe (Crédito: Ivan Storti/Santos FC)

Felipe Aguilar foi titular na vitória do Peixe sobre o Atlético-MG, no último domingo, ao lado de Lucas Veríssimo. Os dois jogaram juntos também de Gustavo Henrique, num esquema com três zagueiros, contra o mesmo Atlético pela Copa do Brasil, na quinta-feira da semana passada.

As variações têm sido uma marca do trabalho do técnico Jorge Sampaoli, que não contará com Lucas Veríssimo para o clássico contra o Corinthians. O zagueiro está suspenso, pois tomou o terceiro cartão amarelo no domingo.

“A incógnita fica para o treinador. Não sabemos se vamos com linha de três ou de quatro. Ele (Veríssimo) é um jogador importante, mas já joguei muitas partidas com o Gustavo”, destacou o colombiano em entrevista coletiva nesta segunda-feira, no CT Rei Pelé.

Aguilar também deixou claro que se sente confortável para jogar, não importa o esquema que Sampaoli adotar.

“As variações geralmente são de acordo como a outra equipe se posta taticamente. Posso jogar pelo meio, pela direita ou esquerda. Não há incômodo. O Sampaoli busca o tirar o melhor proveito da equipe”.