Com reservas e sob vaias, Santos perde para o São Bento

Por | 2018-03-11T21:19:40+00:00 11 de março de 2018, 21:19 |

Arthur Gomes fez o único gol do Santos na derrota para o São Bento neste domingo na Vila (Crédito: Ivan Storti/SantosFC)

 

Com um time completamente reserva, o Santos perdeu para o São Bento por 3 a 1 neste domingo, na Vila Belmiro, o encerramento da primeira fase do Campeonato Paulista. Foi o quarto jogo seguido do Peixe sem vitória na temporada. Os jogadores deixaram o campo sob vaias dos torcedores.

Mesmo com o resultado, a equipe terminou na primeira colocação do grupo, com 18 pontos, e vai enfrentar o Botafogo nas quartas-de-final com o direito de fazer o segundo jogo como mandante. As datas e locais dos confrontos serão conhecidos na próxima terça-feira.

O Santos tomou a iniciativa do jogo desde os primeiros minutos, mas não conseguiu ter criatividade para criar ações de perigo. O técnico Jair Ventura chegou a pedir ao meia-atacante Diogo Vitor, mas o Peixe quase não ameaçou o gol de Rodrigo Viana.

No final da primeira etapa, o São Bento saiu em contra-ataque e o árbitro Vinícius Furlan marcou pênalti de Robson Bambu em Everaldo. Marcelo Cordeiro cobrou e abriu o placar.

Dois minutos depois, o atacante Arthur Gomes caiu na área e Vinícius Furlan marcou outro pênalti, dessa vez para o Santos. O próprio Arthur Gomes cobrou e marcou o gol de empate, o terceiro gol dele no Paulistão.

O Santos teve uma grande chance aos 12 minutos do segundo tempo. Dodô fez linda tabela com Renato e cruzou, Yuri Alberto tocou de carrinho, o goleiro defendeu e, no rebote, a bola bateu no rosto de Vitor Bueno e saiu. Aos 14 minutos, Diogo Vitor arriscou de fora da área e Rodrigo Viana espalmou.

O São Bentou chegou ao segundo gol aos 33 minutos do segundo tempo. Após cruzamento da direita, o atacante Lúcio Flávio apareceu sozinho no segundo pau para tocar para o gol. Aos 49 minutos, o goleiro Vladimir foi para a área em uma cobrança de escanteio, o Peixe perdeu a bola e o São Bento fez o terceiro gol no contra-ataque.

SANTOS 1 X 3 SÃO BENTO
Estádio: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Árbitro: Vinícius Furlan

Público: 3816 pagantes
Renda: R$104.250,00

Gols: Marcelo Cordeiro, aos 43 e Arthur Gomes, aos 45 minutos do primeiro tempo. Lucio Flávio, aos 33, Fábio Bahia, aos 49 minutos do segundo tempo.
tempo
Cartões amarelos: Luiz Felipe

SANTOS
Vladimir, Robson Bambu (Victor Yan, aos 32 minutos do segundo tempo), Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Dodô; Guilherme Nunes (Calabres, aos 39 minutos do segundo tempo), Renato e Vitor Bueno (Copete, aos 22 minutos do segundo tempo); Diogo Vitor, Yuri Alberto e Arthur Gomes. Técnico: Jair Ventura

SÃO BENTO
Rodrigo Viana; Lucas Farias, Luizão, João Paulo (Douglas Assis, aos 27 minutos do primeiro tempo) e Marcelo Cordeiro; Diego Felipe, Fábio Bahia, Cássio Gabriel (Maicon Souza, aos 23 minutos do segundo tempo), Marquinho (Léo Itaperuna, no intervalo) e Everaldo; Lúcio Flávio. Técnico: Paulo Roberto

  • Comentar via Facebook
  • Comentar via Diário
Carregando comentrios...

8 Comentários

  1. Felipe sv 11 de março de 2018 em 19:26 - Responder

    Todos pedem para por os meninos, aí perde e a torcida vaia estão de brincadeira é isso mostra que precisamos sim de V.Ferraz, Braz, Copete, Vecchio, Alisson, não são craques mas trazem experiência e fortalecem o grupo, o que aconteceu em 2002 dificilmente acontecerá novamente, então deixem de ser chatos e apóiem nossos jogadores seja quem for

  2. Carlos 11 de março de 2018 em 20:58 - Responder

    3.816 pessoas na Vila? Ainda reclamam quando o Santos joga na Capital, muito blá blá blá e pouca atitude.

  3. Helcio 11 de março de 2018 em 21:03 - Responder

    Estou com o Felipe
    Se não coloca os meninos reclamam
    Se coloca são vaiados
    O Jair está certo ganhar ou perder hoje não faz a menor diferença
    Aproveitou a gordura para testar a molecada
    No início ele falou que ia testar todos e cumpriu
    Até o calabres jogou
    Vamos apoiar quem jogar
    Dar moral para os nossos jogadores
    Pele Coutinho não jogam mais
    Se jogassem esses caras iam criticalos tambem

    • Roberto 12 de março de 2018 em 13:40 - Responder

      Tá certinho … todos reclamam demais
      Torcida organizada ontem vaiou o time mas não conseguiram colocar mais de 200 pessoas no estádio da própria torcida .

  4. Floreal 12 de março de 2018 em 07:33 - Responder

    Se o Santos não subir a serra, ACABA. Formem um time de Master para os saudosistas, deixem que joguem todas partidas na vila. Assim esse pessoal para de encher o saco. Tem muita gente contrariada porque o Santos está deixando de ser um CABIDAO de emprego na nossa cidade.

    • Roberto 12 de março de 2018 em 13:30 - Responder

      Que papinho amigo …..o Santos é um clube centenário e pelo que me consta ainda não acabou.
      Tem que subir a serra sim…. agora vir com essa conversa de acabar é não ter o que escrever.

  5. Carlos 12 de março de 2018 em 09:22 - Responder

    Uma vergonha time como o Santos com público e renda de time pequeno, Santos na Vila agoniza a passo largos.

    Torcidinha sem vergonha.

  6. Adilson 12 de março de 2018 em 11:23 - Responder

    Os teste teriam que ser feitos e foi, o técnico agora tem em mãos com quem pode contar, perdeu quando podia perder, de agora em diante só jogos difíceis de quarta a domingo. Acredito que de agora em diante vamos ver melhor o trabalho do Ventura.
    Sem mimimi do jogo de ontem, mas, o Vitor Bueno que me desculpe, falou que o Santos não precisa contratar um meia, eu ainda acho que precisa, nem entra os reservas seu futebol apareceu.

Deixar um Comentário