Ricardo Goulart está liberado para o clássico (Crédito: Ivan Storti/Santos FC)

O Santos visita o Corinthians na noite desta quarta-feira (2), pela 3ª rodada do Campeonato Paulista. Ainda sem vencer na competição, o time de Fábio Carille tenta se recuperar após a derrota em casa para o Botafogo-SP, no sábado, por 1 a 0.

A principal novidade na equipe santista é a presença do meia-atacante Ricardo Goulart. O jogador foi regularizado e apareceu no BID da CBF na tarde desta terça-feira (1). Agora, depende apenas da comissão técnica santista para a estreia do jogador com a camisa do Peixe.

Outras duas novidades no time do Peixe são Felipe Jonatan, lateral e Kaiky, zagueiros. Ambos estavam afastados por Covid-19 e retornam para o clássico. Gabriel Pirani, suspenso, também está de volta.

Já na equipe mandante, o desfalque começa no gol. Cássio, capitão do time, testou positivo para Covid-19 e, assim, está fora do jogo. Matheus Donelli, que teve propostas recentes para sair, mas preferiu permanecer e brigar por uma vaga na equipe titular, deve novamente ocupar a vaga. Ivan, recém contratado da Ponte Preta, também é opção para de Sylvinho.

Vale lembrar que o técnico corinthiano poupou dois destaques de sua equipe no duelo contra o time do ABC Paulista. Willian e Renato Augusto ficaram de fora. Para o clássico contra o Alvinegro Praiano, apenas o camisa 8 deve retornar. Willian não foi relacionado.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS X SANTOS

Data e hora: 02 de fevereiro de 2022, às 21h35
Local: Neo Química Arena, São Paulo (SP)
Árbitro: Thiago Luis Scarascati (SP)

Assistentes: Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP) e Mauro André de Freitas (SP)
Árbitro de vídeo: José Claudio Rocha Filho (SP)

CORINTHIANS: Matheus Donelli; Fagner, Raul Gustavo, Gil e Fábio Santos; Du Queiroz (Paulinho), Giuliano e GP; Gustavo Mosquito, Mantuan e Róger Guedes; Técnico: Sylvinho

SANTOS: João Paulo; Emiliano Velázquez, Luiz Felipe e Eduardo Bauermann; Marcos Guilherme, Camacho, Vinicius Zanocelo, Ricardo Goulart (Gabriel Pirani) e Lucas Braga; Ângelo e Marcos Leonardo; Técnico: Fábio Carille