Fim do jejum, Serginho Chulapa e o segredo de Gabigol

Por | 2018-04-25T16:46:20+00:00 25 de Abril de 2018, 16:30 |

Gabigol ultrapassou a marca de 700 minutos sem marcar, mas acabou com o jejum na noite da última terça-feira (Crédito: Ivan Storti/Santos FC)

Não é todo time que pode contar com uma gama tão grande de ídolos como o Santos. Em todas as posições, o Peixe conta com jogadores que foram referência, não só no futebol paulista, ou brasileiro, mas também no futebol mundial. E eles sempre estão por perto para ajudar os atuais atletas do elenco, seja com conselhos ou com algo mais… místico, digamos.

Pouco tempo antes do jogo da última terça-feira, Gabigol cruzou com Serginho Chulapa. O camisa 10 santista não teve dúvidas: conselho? Que nada. O centroavante que vivia o maior jejum de gols da sua carreira, queria era ‘pegar’ a aura de artilheiro da Chulapa. Ele esfregou as mãos no atacante da Copa 1982 e depois nele próprio. E outra, e outra vez.

“Parece que eu tô tomando passe”, brincou Chulapa.

“Tem que pegar um pouquinho de gol dele, né? Passei em mim e deu tudo certo. Ele foi um atacante muito goleador, tem me ajudado muito, sempre trocamos experiências. É um cara muito importante aqui no clube. No intervalo ele fala comigo sobre algumas movimentações que eu faço”, disse o atacante.

A Santos TV registrou tudo, confira o vídeo:

  • Comentar via Facebook
  • Comentar via Diário
Carregando comentrios...

Deixar um Comentário