Jair sai em defesa de Robson Bambu: “Culpado sou eu”

Por | 2018-03-12T09:09:59+00:00 12 de março de 2018, 9:09 |

Robson Bambu foi titular improvisado na lateral-direita (Crédito: Ivan Storti/Santos FC)

No final da partida contra o São Bento, no último domingo, pode-se ouvir parte da torcida reclamando e até xingando o zagueiro Robson Bambu, que atuou como lateral-direito na derrota por 3 a 1. Sem Victor Ferraz, que ainda se recupera de lesão, e Daniel Guedes, poupado, Jair Ventura improvisou o atleta na lateral, função que ele chegou a exercer nas categorias de base do Santos e da Seleção Brasileira.

O técnico isentou o garoto das críticas e assumiu a responsabilidade pelos xingamentos de parte da torcida. Bambu cometeu o pênalti convertido por Marcelo Cordeiro que abriu o placar da partida.

“É complicado, menino quebrou galho. Ficou em cima para o Ferraz jogar e eu não tinha outra opção. Guedes treinou forte hoje pela manhã e eu tive que sacrificar. Esses xingamentos pra ele o culpado sou eu. Não tenho problema em escalar. Não fez um grande jogo, saiu cansado, naquela vontade de fazer, melhorar, acabou não aguentando. É um zagueiro com grande velocidade, pode ser um lateral mesmo, como vinha treinando. Não coloquei ele de lateral ontem, ele vinha treinando. Não vou mentir que ele fez um grande jogo, mas temos que levar em consideração que estava adaptado e foi um pedido meu.”

O zagueiro de 20 anos tinha jogado duas partidas no Paulistão, ambas em sua posição de origem. Ele foi titular na partida contra Ituano, quando Braz foi poupado para não correr o risco de ser suspenso e perder o clássico contra o Palmeiras, e depois entrou na vaga de Luiz Felipe, que saiu lesionado, justamente no clássico. Na partida contra o Ituano, o gol do time do interior foi marcado em um chute de longa distância que desvia no zagueiro e engana o goleiro Vanderlei.

Bambu tem a confiança de Jair, tanto que foi inscrito na Copa Libertadores da América, deixando Cléber Reis fora da lista. Com o retorno de Victor Ferraz cada vez mais próximo e a boa fase de Daniel Guedes, Bambu deve voltar a ser opção na zaga, tendo Lucas Veríssimo, David Braz, Gustavo Henrique e Luiz Felipe a sua frente na briga por vaga no time titular.

  • Comentar via Facebook
  • Comentar via Diário
Carregando comentrios...

2 Comentários

  1. Francisco Matera Neto 12 de março de 2018 em 10:09 - Responder

    Só torcedor idiota que criticou o bambu, ele não.jogou mal, se apresentou, correu, lutou, mas não é lateral. Só idiotas de plantão vão xingar o rapaz.

  2. Carlos Henrique 12 de março de 2018 em 13:22 - Responder

    O moleque tem potencial, foi escalado em outra função e não amarelou.

Deixar um Comentário