Jesualdo treinou o Santos em apenas 12 jogos (Crédito: Ivan Storti/Santos FC)

Ainda não existe data definida para o retorno das competições no futebol brasileiro, mas o tempo de paralisação já preocupa o treinador Jesualdo Ferreira. O comandante do Peixe deu entrevista ao Canal 11, de Portugal, e falou sobre os problemas que serão enfrentados depois da pausa.

“Vamos recomeçar com dois meses e meio parados. Não acredito que algum profissional tenha ficado mais de um mês parado antes. Isso vai causar problemas no futuro. Nesse momento, as informações que temos é que será no dia 30 o fim desse bloqueio e o início, provavelmente, dos trabalhos”, explicou Jesualdo, que destacou a importância dos clubes voltarem na mesma data.

“A situação não é fácil. Foi decidido no Estado de São Paulo que todas as equipes voltariam na mesma data. O Paulistão e todos os estaduais vão continuar. Tentaram achar uma forma de justa, sem favorecer ninguém, que todas as equipes voltem na mesma data”.

O futebol brasileiro está parado desde o meio do mês de março. O retorno dos treinamentos e das competições dependem da liberação das autoridades de saúde. O isolamento social em São Paulo está definido até o dia 30 de maio.