Dracena foi capitão do Santos na conquista da Libertadores 2011. Na final, o Peixe estava todo de branco (Crédito: Ivan Storti/Santos FC)

Quando subirem ao gramado de Vila Belmiro nesta noite para enfrentar o Defensa y Justicia, os jogadores do Peixe estarão trajando a belíssima camisa branca do Santos. O icônico uniforme que amedronta adversários em todo o Continente e mundo foi usado pelo clube em 113 oportunidades pela Copa Libertadores. O levantamento inédito foi feito pela Associação dos Pesquisadores e Historiadores do Santos FC (ASSOPHIS).

Em 84% das partidas do Santos pela maior competição da América do Sul a equipe vestiu a camisa branca (113 jogos). Em 19 partidas, o Santos atuou com o atual segundo uniforme, a camisa listrada em preto e branco. Além disso, o clube usou o terceiro uniforme em 3 partidas: duas vezes atuou com a camisa azul clara (em 2012) e uma vez jogou com o uniforme preto (na vitória sobre o Olímpia, na última partida do time pela Libertadores).

Santos e Defensa y Justicia se enfrentam nessa terça-feira, às 19h15, na Vila Belmiro. Líder do Grupo G, com 13 pontos, o Peixe não só já conquistou a classificação antecipada, como também garantiu a primeira colocação de sua chave. Invicta na competição, a equipe de Cuca agora busca ter a melhor campanha da 1ª fase da Libertadores. Já o time argentino soma seis pontos e ocupa a segunda colocação do grupo, só que precisa vencer o Peixe para não ter que pensar no outro jogo da chave, disputa entre Olimpia e Delfín.