Imparcialmente Santista 2019-01-17T19:28:52+00:00

Imparcialmente Santista

Isabel Nascimento é criadora do canal de YouTube “Imparcialmente Santista”, no ar desde 2017, comunicadora e casperiana formada em 2016. E santista apaixonada desde sempre.

1403, 2019

Atenção, torcedor: todo jogo importa

Torcida do Santos faz festa em frente ao Pacaembu (Crédito: Divulgação/Santos FC) Eu torci um ligamento no dia 27 de fevereiro, inicialmente oito dias afastada e mais duas semanas para começar a tentar voltar a treinar (gostaria de dizer que jogo bola, mas nasci sem habilidade, eu faço crossfit mesmo) e andar normalmente. Na hora em que o doutor disse que eu teria de ficar imobilizada eu quase surtei, sou extremamente ativa e me imaginar em uma cama fazendo gelo, sentindo dor e sem saber quanto tempo duraria a recuperação foi muito complicado. Naquela semana, as vendas de ingressos para o jogo contra o Oeste já indicavam um péssimo público e eu fiquei ainda pior quando percebi que, além de tudo, ficaria afastada das arquibancadas por um tempo. Não vou negar que pensei em ir ao Pacaembu naquele sábado de Carnaval, mas entendi que aquele temporal absurdo era um sinal de que estava fazendo algo errado. Meu pai foi, chegou ensopado, 11 [...]

303, 2019

O Santos de Sampaoli é um time destemido

O Santos venceu o Oeste com um gol no último minuto (Crédito: Ivan Storti/Santos FC) Intensidade, insistência e técnica, essas são as três palavras que definem o Santos atual. Havia tempos eu não via a exposição de um padrão de jogo tão definido. É nítido quando conseguimos apresentar nosso esquema de jogo e mais nítido ainda quando temos dificuldade para desenvolvê-lo, mas o que mudou é que não desistimos, não somos mais aquele time covarde de antes. Jogamos da mesma forma independentemente do adversário. É claro que adaptamos alguns pontos, mas é bonito ver como nos postamos de maneira destemida e incansável. Poucas vezes víamos disposição para virar uma partida, éramos acomodados com placares magros e empates, muito pela falta de confiança dos atletas neles mesmos e no sistema de jogo. Não existia um plano a cumprir ou uma voz de comando respeitada. Nossos números de posse de bola são 65%, 70% ou até 80%, mas não é igual à época de [...]

2302, 2019

Empolgação, sim, mas com muito cuidado

A contratação de Cueva foi a mais cara do Santos em 2019 (Crédito: Ivan Storti/Santos FC) O torcedor santista foi atingido pelo sentimento inabalável de empolgação, mas desta vez ela não só é válida como muito bem pautada em fatos e estatísticas. Temos a mesma pontuação que tínhamos no fim da primeira fase do Campeonato Paulista de 2018, com cinco rodadas de antecedência; fizemos 19 gols durante toda a competição passada, atualmente já somamos 16. E temos o artilheiro mais inimaginável: Jean Mota tem mais gols do que o time inteiro do Corinthians e só esse fato já seria suficiente para nos deixar entusiasmados. A questão agora é o que fazer com essa sensação e com o embalo do bom momento. Vivemos tempos brilhantes na qualidade e na execução do bom plano de jogo, mas não podemos nos esquecer do quão inconstante e surpreendente é o futebol e da administração desorganizada que temos. Fomos o último clube do Campeonato Brasileiro a fazer [...]

1002, 2019

No Santos de 2019, a mesmice não tem vez

Com Jorge Sampaoli, o Santos vive dias de fortes emoções (Crédito: Ivan Storti/Santos FC) Estamos apenas no início dos trabalhos de 2019, mas eu já posso afirmar que mesmice, apresentações apáticas e falta de emoção não farão parte das partidas do Santos neste ano. É até engraçado pensar que nenhum santista em 2018 acreditaria no momento que estamos vivendo e nas peças que o compõem. Em meio a Zé Ricardo, Abel e até Dunga, surgiu Sampaoli. Eu jamais imaginaria o ex-técnico da seleção argentina na Vila Belmiro, seria inviável crer que dentro da bagunça do comando do Santos alguém teria a capacidade de oferecer um contrato atraente para alguém de um nível tão diferenciado. Mas cá está o homem, estreando no campeonato estadual com uma artilharia não vista desde a Era Pelé. Mais chocante do que isso é pensar no nome-chave dessa artilharia: Jean Mota, maior goleador do Paulista, com cinco gols, titular absoluto e homem de confiança do treinador argentino. Falando [...]

2801, 2019

Quarta força. E com muito orgulho…

Jogadores do Santos comemoram gol contra o São Paulo (Crédito: Ivan Storti/Santos FC) Hoje eu acordei e parecia que meu filho tinha participado de alguma competição e ganho a medalha de campeão. Por todos os lados eu só ouvi elogios sobre ele. Elogios pelos seus esforços, sua atuação, pelo modo como ele mudou do ano passado para cá e como um caminho bonito o espera. Eu passei o dia sorrindo, cheia de orgulho e ansiosa para acompanhar seu crescimento. Acho que para nós, santistas, a sensação é a de ver um bebê evoluindo e nós, como pais babões, corujas e briguentos, vamos defendê-lo não importa o que aconteça. Quando for preciso, seremos os primeiros a criticar, mas quando ele merecer elogios... Ah, ninguém vai nos segurar. Eu não pensei nem duas vezes: abri o guarda-roupa e vesti o manto. Muitos podem pensar “nossa, como ela é modinha, só vem quando ganha”, mas todos nós sabemos o quanto estamos machucados e merecendo sentir [...]

1401, 2019

Estamos em meio a uma guerra

Bruno Henrique ainda está no Santos, mas não se sabe até quando (Crédito: Ivan Storti/Santos FC) Janela de contratações aberta e eu sinto que estamos no meio de uma guerra, somos aquele território neutro e pacato, mas recheado de especiarias raras. Munição por todos os lados, nossos equipamentos e armaduras são frágeis e ultrapassados, as novas armas de fogo nos alcançam e acertam nosso maior guerreiro, Gabriel. Sem conseguir acreditar em melhores condições e vendo um campo devastado, o homem se despede de seus parceiros e deixa para trás uma paixão que carregava desde o berço. Alguns o julgam, outros o invejam. O fato é: a guerra continua e o fim pode ser trágico. Um sentimento crescente de cada um por si. O comandante do nosso território não consegue passar segurança e irrita a todos com sua falta de coerência e competência. Dodô é requisitado por tropas distantes e tem contas a serem pagas, pouco se sabe se ele ficou feliz ou [...]