Imparcialmente Santista 2018-02-06T16:15:52+00:00

Imparcialmente Santista

Isabel Nascimento é criadora do canal de YouTube “Imparcialmente Santista”, no ar desde 2017, comunicadora e casperiana formada em 2016. E santista apaixonada desde sempre.

1907, 2018

Saldo da Copa: Positivo ou negativo?

A Copa do Mundo de 2018 chegou ao fim e finalmente voltamos à programação normal, renasce agora aquele embate de sentimento: a empolgação e a esperança de um lado, a paciência e o medo de mais uma decepção do outro. Esperança e a empolgação porque finalmente o meia chegou! Sim, é real! Enfim temos um meia entre nós e ele se chama Bryan Ruiz, o presente de natal que demorou sete meses para chegar está na Vila Belmiro (na verdade nesse momento tira férias, mas já é do Santos). E nessa terça-feira tivemos a notícia da confirmação de Carlos Sanchez, o uruguaio “parrudo” que chega diretamente dos territórios mexicanos. Falando em México, pouco quero me expressar pelo tour que o elenco fez nessa parada, a marca Santos foi tão ampliada que a Santos TV usou um link pirata para transmitir o segundo jogo, uma tremenda vergonha e descaso com o torcedor. Jogos feios e nada surpreendentes, o time apresentou as mesmas falhas e desorganização. [...]

2306, 2018

É melhor Jair se acostumando

Em meio a muita Copa do Mundo, as confusões e divergências no Santos não param, mas, pelo menos, uma decisão foi tomada pelo do Comitê de Gestão: oficializou-se a permanência do treinador Jair Ventura no comando do time. Eu fico feliz com essa informação porque pelo menos o time definiu uma posição. O Santos nesse momento apoia o trabalho de Jair e o profissional, na teoria, tem a diretoria do seu lado confiando em sua metodologia. Estamos em três disputas de extrema relevância e dificuldade. O torcedor, com certeza, não espera títulos, mas ele não suportará mais vexames. Eu espero que o Comitê consiga sustentar esse apoio e não ser impulsivo e incoerente se os resultados não vierem logo depois da Copa, principalmente porque de cara temos um clássico contra o Palmeiras no dia 18 de agosto. Eu concordo que muitas atitudes do Jair foram covardes e não seguiram com o tradicional mantra utópico do “DNA ofensivo”, mas temos que enxergar que tivemos, simplesmente, [...]

806, 2018

Antes de mais nada, obrigada, Rodrygo

Rodrygo Silva de Goes, moleque paulistano, 17 anos, capricorniano, santista de coração. Você é de 2001, me sinto tão velha quando lembro disso... é incrível pensar que alguém tão novinho já impressionou o mundo, já vale mais de 200 milhões de reais e já cobre as capas dos jornais europeus com seu rosto humilde, seu caráter brilhante e seu talento nos pés. Não que seja uma baita novidade para você, você sempre soube que tinha algo amais e que seu voo seria alto demais para alguém conseguir te prender no gramado da Vila Belmiro. É claro que eu queria te colocar numa pequena bolha e não deixar ninguém tirar o manto alvinegro do seu corpo. Mas eu abro um sorriso ao pensar que um menino da Vila tão incrível vai conquistar a Europa e vai levar o nome do Santos novamente como formador de joias para provar que um raio cai não só uma, nem duas, nem três e sim quatro vezes no mesmo [...]

2905, 2018

Sejamos Santos, na alegria e na tristeza

Depois dos últimos resultados criou-se em mim um sentimento horrível, uma sensação que jamais desejei: eu me acostumei a ver atuações ruins do meu time do coração. Sinto agora uma falta de confiança tão grande que tenho medo de me animar com qualquer jogada ou drible e ser totalmente desiludida no lance seguinte. Torcedor e jogador são um elemento único. Um alimenta o outro, um anima ou destrói o outro. O desespero em campo passa para o torcedor, nós nos tornamos parte desse elenco medroso e confuso. Estamos inseguros com os resultados, temos medo de ir ao estádio e passar por outro vexame. As derrotas sentidas dentro de campo pelo atleta são sentidas fora pelo torcedor, é extremamente irritante aguentar as piadinhas e na hora de pensar no que eu faria para mudar a situação, com as peças que o Jair tem, eu não faço ideia. É o que Rodrygo diz nas entrevistas: “Se a gente soubesse, já teria arrumado”. Estamos a um resultado [...]

2105, 2018

Os jogos do Santos me dão medo

Faz tempo que eu não acordo e fico feliz por ser dia de jogo, faz tempo que não sento no sofá ou vou para o estádio com um bom pressentimento. Santos em campo é sinal de alerta, é aquela sensação de angústia porque por mais fácil que a partida pareça, a gente sabe que o time vai torná-la complicada. No ano passado éramos um time muito mais regular, não éramos brilhantes, mas em nenhum momento eu me senti como me sinto agora, com medo de tomar goleada de qualquer adversário um pouco mais organizado e com muito receio de qualquer que seja o resultado do sorteio da Copa do Brasil ou da Libertadores. Um time totalmente sem identidade e perdido me torna uma total hipócrita, uma santista que em uma semana está pensando no tri mundial e na semana seguinte só quer se manter na Série A. São cinco derrotas consecutivas fora de casa, e o que é pior, mesmo nas vitórias o time [...]

1705, 2018

O gigante está começando a acordar

O que o time do Santos fez nos últimos dois jogos pode ser desmerecido como “nada mais do que obrigação”, “eram jogos fáceis”, e tal. Mas é futebol, e uma boa vitória, não importa sobre quem, faz crescer a confiança e a interação no elenco. Eu acho que esta é uma das maiores carências do time: um coletivo que transmita segurança. A equipe precisa se conhecer melhor, saber como se posicionar pensando nas reações e atitudes do outro. A volta de Victor Ferraz é fundamental, ele é um bom lateral. Não acho que o problema seja “ele ataca mais do que marca”, a questão é, sabendo que temos um lateral com esse perfil, como dar um maior suporte à defesa? Ele precisa de cobertura, seja do Alison, do Vecchio ou do Diego Pituca, será necessário um apoio. Não devemos esperar que o Sasha seja um baita jogador de velocidade, mas valorizar o fato de que ele é um atacante que sabe voltar, sabe marcar, [...]